3 Tipos de Bengalas: Qual escolher?

bengalas

As bengalas são um acessório amplamente utilizado para auxiliar na mobilidade e no equilíbrio, sendo frequentemente utilizadas como apoio auxiliar de idosos ou pessoas que estão em recuperação.

Pela sua praticidade e eficácia, a bengala é o andador mais popular do mundo, sendo um acessório leve e geralmente retrátil para facilitar o transporte.

Como usar as bengalas corretamente?

As bengalas são um suporte adicional que pode melhorar o equilíbrio e prevenir quedas. Para usá-lo, deve ser colocado do outro lado da perna lesionada para melhor distribuir o peso. Quando ela for colocada do mesmo lado da lesão, o peso será colocado no topo da bengala, o que é considerado incorreto.

A forma como a muleta é segurada também pode afetar a carga colocada nas nádegas, que pode ser agravada em alguns casos se for segurada incorretamente. Os cuidados mais importantes para usá-lo corretamente são:

• Use o cabo de alimentação: O método ideal é usar a linha do produto no pulso para evitar que caia no chão;

• Ajustar altura: É muito importante ajustar o tamanho da muleta de acordo com a sua altura, quando o braço está reto, a parte mais alta da muleta deve estar na mesma altura do punho.

• Cuidado ao usar escadas: para evitar quedas, você precisa manter o equilíbrio e a calma. Se cair, você precisa procurar ajuda para se levantar e, em caso de dor, deve consultar um especialista.

Tipos de Bengalas

Tradicional

É apoiado pela mão em forma de “U” ou gancho. É o tipo mais básico e popular de bengala e pode ser facilmente encontrado em qualquer loja de suprimentos médicos.

Seu formato é o mais simples possível – um bastão simples, uma ponta de borracha pode fornecer maior tração no solo e uma curva de guarda-chuva pode ser usada como alça. A maioria é feita de madeira, mas os modelos de alumínio também são muito populares.

Este tipo simples de bengala deve ser usado como um acessório de conforto ao caminhar, o que pode ajudar caminhantes instáveis, mas independentes, a obter um suporte melhor equilibrado.

Bengala em T

Tem um apoio para as mãos em forma de “T”, que proporciona mais apoio e dificulta o deslizamento da mão.

A bengala deslocada é semelhante a uma bengala padrão, exceto que seu formato posiciona o peso do paciente no eixo da bengala.

Isso permite que a bengala seja usada ocasionalmente para sustentar o peso.

Para pacientes com artrite de quadril ou joelho, geralmente é recomendado o uso desta bengala e, ocasionalmente, é necessário reduzir o peso suportado pelas pernas doloridas.

Bengala com quatro suportes

As muletas com bases estendidas, quatro suportes ou quatro barras. Em comparação com as muletas simples, podem fornecer mais assistência ao equilíbrio, especialmente para os idosos.

Possui quatro pontas coladas no fundo com espaçamento de 10 a 15 cm para proporcionar melhor sustentação.

São melhores para os idosos que acham que uma bengala com um único ponto de contato com o solo não é suficiente para ajudá-los.

Muitos modelos de bengala com quatro suportes fornecem uma base ajustável que permite ao usuário girar a base para a posição desejada e, em seguida, travá-la no lugar.

Como foi visto, existem diversos tipos de bengalas e é preciso escolher aquelas que se ajustam à altura e às condições físicas de cada pessoa. 

Assim, quando for usá-las, tenha cuidado com a posição e o local para evitar possíveis quedas.

Se gostou do nosso post de hoje, compartilhe com seus amigos nas Redes Sociais e assim eles ficam por dentro de todas as novidades! 😉

Para conferir mais detalhes sobre as bengalas, você pode acessar nosso site www.locahospitalar.com. Por lá, pode alugar de forma rápida e segura!

3 Tipos de Bengalas: Qual escolher? 1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.